Um homem condenado por envenenar o próprio tio foi preso na manhã desta sexta-feira (11) em São Miguel do Tocantins, extremo norte do estado. Ele estava foragido desde 2002 e foi localizado no povoado Bela Vista. O réu foi condenado a mais de 17 anos de prisão na última quinta-feira (10) pelo crime.

Segundo o Ministério Público Estadual, o homem matou Gean dos Santos Milhomem, em 2001, na cidade de São Sebastião do Tocantins. As investigações apontaram que o sobrinho teria ido na casa do tio e colocado veneno no pote de água da vítima.

Quatro dias depois, voltou a residência, tirou vários objetos e ateou fogo na casa. O motivo do crime seria vingança devido um desentendimento antigo entre o tio e o pai dele. Discussão que teria acontecido quando o acusado tinha somente sete anos.

Mesmo foragido, o réu foi julgado e condenado pelo júri, sendo condenado por homicídio qualificado devido motivo torpe e uso de veneno. A prisão foi feita em uma operação do Ministério Público Estadual e Polícia Civil.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA