O Tocantins já registrou três mortes por afogamento na primeira semana da temporada de praias 2017. Os casos aconteceram em São Miguel do Tocantins, Palmeirante e Tupiratins, as três no norte do estado. No caso mais recente, uma criança de apenas cinco anos se afogou enquanto passava as férias com a família na praia da Raposa, em Tupiratins.

Em todo o estado, 15 praias são monitoradas pelo Corpo de Bombeiros ou por guarda-vidas. A corporação informou que já fez 8 mil atendimentos preventivos nas praias dos rios Araguaia e Tocantins nesta temporada. Além disso, as praias de Miracema do Tocantins e de Tocantínia ganharam sinalização.

“Nós temos uma evolução bastante considerável este ano, principalmente na delimitação de áreas para banho”, avalia o major do Corpo de Bombeiros Maxuell Souza.

Na praia de Luzimangues, em Porto Nacional, mesmo com a sinalização, a pedagoga Cristiane Fernandes não se descuida dos filhos. “Nós temos que ter muito cuidado, porque água é bicho traiçoeiro. Meu filho sabe nadar, mas nem por isso eu deixo ele só”, explica.

Apenas 15 praias são monitoradas pelos Bombeiros ou guarda-vidas no Tocantins (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Apenas 15 praias são monitoradas pelos Bombeiros ou guarda-vidas no Tocantins (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA