Família publica desabafo após boatos sobre morte de estudante atropelada

0
14

‘Parem de matar a nossa princesa’, publicou irmã em redes sociais.
Thaynara Portilho foi atropelada após sair de faculdade em Palmas.

A família da estudante Thaynara Portilho, 20 anos, publicou em uma rede social uma mensagem de desabafo após boatos de que a jovem teria morrido. “Parem de matar a nossa princesa”, disse a irmã da garota. Thaynara foi atropelada em Palmas após sair de uma faculdade particular, na última segunda-feira (25), e segue internada no Hospital Geral de Palmas (HGP).

A mensagem publicada pela irmã foi compartilhada por parentes. “Gente pelo amor de Deus, se vocês tiverem isso no coração parem de matar a nossa princesa, nossa família já está sofrendo demais com tudo e toda hora alguém vem falar que ela morreu”, desabafou.

Durante esta manhã, o pai da estudante informou que tinha conhecimento dos boatos, mas que a filha passou por exames e segue internada em estado grave.

A família também pediu nas redes sociais que as pessoas orem por Thaynara e disse que tem fé na cura da jovem. “Por mais difícil que seja, para Deus nada é impossível e ela vai sair dessa. Respeitem isso por favor!”.

Irmã de estudante atropelada publica mensagem em redes sociais e faz desabafo (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Irmã de estudante atropelada publica mensagem e faz desabafo

Acidente
A jovem de 20 anos foi atropelada após sair de uma faculdade particular na quadra 504 Sul. Ela foi levada em estado grave para o Hospital Geral de Palmas (HGP). Thaynara faz o 7º período do curso de Direito.

Família faz campanha e pede oração por vítima de atropelamento (Foto: Reprodução/Facebook)

Família faz campanha e pede oração por vítima de
atropelamento 

Uma amiga de faculdade, que preferiu não se identificar, contou que a turma fazia prova na noite desta segunda-feira, mas Thaynara resolveu sair mais cedo porque não estava se sentindo bem. Thaynara mora em Palmas com uma amiga. Os pais são de Guaraí, a 173 km da capital.

Suspeito
A SSP informou que o jovem fez exame de alcoolemia no IML de Palmas e não houve indícios do consumo de bebida alcoolica.

Conforme a Polícia Militar, o rapaz disse que trafegava no sentido sul-norte quando foi surpreendido por uma pessoa atravessando na frente do veículo e não teve como evitar o atropelamento.

Fonte: G1

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA